Menu
Índex
  • Sincronização, exportação e importação

Sincronização, exportação e importação

A sincronização permite que você misture as mudanças feitas em duas (ou mais) cópias da base de dados. Por exemplo, isto é usado quando várias pessoas trabalham com a base de dados ou uma pessoa administra a base de dados de vários computadores. A melhor forma nestes casos, é sincronizar através de um arquivo de intermédio - em cada computador que possuir a sua cópia da base de dados e naqueles que compartilham arquivos que outros sincronizam com frequência. Este arquivo intermediário se localiza, por exemplo, na pasta de rede compartilhada ou na nuvem (Dropbox e serviços similares). Assim todos podem sincronizar quando for conveniente, independente de outros. No caso de problemas na comunicação, existe uma cópia local da base de dados no computador, que você pode usar e sincronizar todas as mudanças com um arquivo intermediário.
 
Sincronização, exportação e importação
1

Exportar

2

Importar

3

Sincronizar

Escolha uma base de dados para sincronizar. Ambas as bases de dados devem possuir as mesmas identificações, por exemplo, você pode sincronizar apenas com outra cópia de um arquivo. Se a base de dados for diferente, você pode simplesmente importar todos os dados de um arquivo para outro (botão importar). Diferente da sincronização, importar não modifica o arquivo fonte.
4

Sincronização automática

Sincroniza a base de dados automaticamente, com um arquivo selecionado em cada lançamento e sai do programa.